1ª PÁGINA


Rejuvenescida, ACMT encara futuro com optimismo renovado

Com novos dirigentes jovens, centro comunitário dedicado à cultura minhota celebra 45 anos de existência em Outubro

Por Luís Aparício

Sol Português

A Associação Cultu-ral do Minho de Toronto (ACMT) ganhou novo fôlego depois de um período de actividade comunitária reduzida devido à pandemia de Covid-19 que afectou o mundo nos últimos dois anos.

Em Assembleia-Geral (AG) ordinária realizada no passado dia 6 de Março, os sócios elegeram novos corpos gerentes para o próximo mandato e o resultado foi uma Direcção composta maioritariamente por jovens (média de 22 anos) contrabalançada pela experiência de Olívia Rites, presidente da AG, e de António Passos, que preside ao Conselho Fiscal.

À frente da equipa directiva está agora Paulo Pereira Jr., 26 anos, contabilista de profissão que decidiu apresentar uma lista (a única a votos) quando regressou ao Canadá, depois de três anos na Europa onde completou um mestrado e trabalhou numa das maiores empresas no ramo de Auditoria Fiscal e Consultoria.

"O bom filho à casa torna", como ele próprio diz em declarações ao jornal Sol Português, destacando ser hora de dar continuidade a uma tradição cultural que vem do tempo dos pais e garantir que a ACMT, fundada a 13 de Outubro de 1977, "vai ter futuro por mais 45 anos...".

Entre outros voluntários, terá a seu lado Tânia Barbosa no papel de Relações Públicas, jovem que por influência familiar tem um passado de colaboração na associação minhota.

A aluna de Direito, ligada à Associação Portuguesa da Universidade de Toronto, sente-se motivada por integrar uma Direcção com muita juventude, o que a seu ver "mostra que há interesse em preservar a nossa cultura" e isso garante que "a ACMT não vai morrer".

Já a trabalhar no calendário de actividades do clube para os próximos meses, ainda que com alguma cautela e sempre dependente da evolução da situação epidemiológica no Ontário, Paulo Pereira refere que a Direcção quer manter um equilíbrio entre as festas mais tradicionais e a promoção de iniciativas para atrair um público mais jovem.

Entretanto, a Direcção pretende aproveitar o período de Verão para planear a "rentrée" no Outono, altura em que a ACMT comemorará o seu 45.º aniversário no mês de Outubro e assinalará um quarto de século na realização dos arraiais do Santoinho em Toronto.

Na mente de todos está também a ideia de adoptarem um modelo profissional para a rentabilização do espaço comunitário da ACMT, por forma a gerar receitas que ajudem a colectividade a manter as portas abertas, e a Direcção mostra total disponibilidade para um "intercâmbio cooperante" com todas as organizações da comunidade.

Ao longo deste mandato de dois anos, Paulo Pereira espera que a Direcção consiga ainda reunir as condições necessárias para avançar com a renovação das instalações da sede, tornando o local mais acessível a pessoas com deficiências motoras ou mobilidade reduzida.

No imediato, os jovens directores querem retomar os ensaios regulares dos ranchos folclóricos infantil e adulto, depois do período de inactividade provocado pelas medidas de contenção da pandemia, e converter o livro de quotas para um formato digital, o que permitiria maior controlo do número de sócios activos da associação.

Consciente do muito trabalho que há pela frente para levarem o barco da ACMT a bom porto, Paulo Pereira pede a colaboração de todos os sócios e simpatizantes da colectividade para os futuros projectos e actividades, evocando o lema de Viana do Castelo: "Quem gosta vem, quem ama fica!".

Como destaca, "isso é o que queremos ser: se gostar, está a porta aberta e se amar, pode ficar".

Direcção da ACMT

Presidente: Paulo Pereira Jr.

Vice-presidente: Michael Barbosa

Tesoureira: Rita Duarte

Secretária: Melanie Gonçalves

Relações Públicas: Tânia Barbosa

Directores: Anthony Guimarães, Daniela Araújo, Michelle Alves, Mónica Gonçalves, Tânia Angeira, Tiago Pereira

Assembleia-Geral

Presidente: Olívia Rites

Vice-presidente: Raquel Amorim

Secretária: Catarina Cruzeiro

Conselho Fiscal

Presidente: António Passos


Voltar a Sol Português