1ª PÁGINA


Ontário: Doses de reforço da vacina contra a Covid-19 administradas a partir
de amanhã

Este fim-de-semana o Ontário vai passar a disponibilizar vacinas de reforço para qualquer pessoa com mais de 70 anos ou que tenha recebido duas doses da vacina AstraZeneca ou a vacina Janssen de uma dose.

Os interessados elegíveis podem começar a fazer marcações a partir das 8h00 de amanhã, sábado (6) no portal de vacinação contra a Covid-19 da província, em algumas farmácias ou directamente nas unidades de saúde pública, através dos seus sistemas de agendamento.

As vacinas de reforço estão também a ser oferecidas aos adultos nas comunidades indigenas, inuíte e metis, e aos profissionais de saúde que trabalham na linha da frente do combate à pandemia e que tiveram um curto intervalo entre as duas primeiras doses.

As autoridades de saúde provinciais enfatizam que a injecção de reforço poderá ser da Pfizer ou da Moderna, independentemente da vacina de mRNA que foi administrada pela primeira vez.

A província prevê vir a alargar a elegibilidade das vacinas de reforço a todos os residentes do Ontário, "ao longo do tempo", com base na idade e no grau de risco que correm, com um intervalo de seis a oito meses a contar da segunda dose, o que não deverá acontecer antes de Janeiro.

Entretanto, o dr. Kieran Moore, director dos serviços de saúde da província, diz que todos os ontarienses devem receber a terceira dose quando esta for disponibilizada.

A norma provincial segue as recomendações que foram recentemente feitas pelo Comité Consultivo de Imunização Nacional (NACI, na sigla em inglês).

O Ontário já administrou terceiras doses aos idosos que vivem em ambientes congregados, aos imunossuprimidos e aos que tomam certos tipos de medicamentos imunossupressores.

O governo provincial diz estar concentrado em alargar o reforço das terceiras doses até que seja aprovada a vacina contra a Covid-19 para as crianças com mais de 5 anos de idade, o que se prevê venha a acontecer ainda este mês.

De acordo com as autoridades de saúde, assim que a aprovação da Health Canada for recebida, "a prioridade mudará para a rápida administração das primeiras doses às crianças".


Voltar a Sol Português