ARTES E CULTURA


Ferro elogia Duarte Pacheco e objectivo de Português como língua oficial da União Interparlamentar

O presidente da Assembleia da República, o socialista Ferro Rodrigues, enalteceu quarta-feiraa recente eleição do deputado social-democrata Duarte Pacheco como presidente da União Interparlamentar (UIP), concordando ambos com a prioridade à projecção da língua portuguesa no mundo.

"A eleição é, mais do que tudo, mérito do candidato, muito se devendo à energia e dinamismo que sempre demonstrou. É o corolário de anos de dedicação na defesa do multilateralismo e do dialogo politico", disse Ferro Rodrigues, agradecendo à rede diplomática e consular o apoio à divulgação da candidatura.

Para o presidente do parlamento, é "um motivo de satisfação e orgulho e um sinal de esperança para os milhões de cidadãos que têm o português como a sua língua-mãe".

"Se a UIP assumir o Português como língua de trabalho (além do Inglês, Francês e Árabe), ficam as portas abertas para a ONU (Nações Unidas) o fazer também", vaticinou Duarte Pacheco que desejou consegui-lo até final do seu mandato de três anos.

Duarte Pacheco, eleito deputado consecutivamente desde 1991 e secretário da Mesa da Assembleia da República, sublinhou que a Língua portuguesa é a mais falada no hemisfério sul".

"Somos um país pequeno, mas com longa História. Somos conhecidos nos cinco continentes por estar disponíveis para fazer pontes entre culturas e povos, na defesa da democracia, do Estado de direito e das liberdades, mas não os impomos a ninguém. Ser português foi uma mais-valia para o sucesso da candidatura", continuou Duarte Pacheco.

O novo presidente da UIP, fundada em 1889 e que junta 179 parlamentos e 13 membros associados (representando cerca de 6,5 mil milhões de pessoas), alcançou 222 dos 394 possíveis, logo à primeira volta, batendo assim as candidaturas de Paquistão, Uzbequistão e Canadá.

"O presidente da UIP não vai ali para pôr em prática a agenda de Portugal, mas não deixa de ser um português, portanto, todas as matérias importantes para nós estarão na primeira linha das minhas preocupações", prometeu.


Voltar a Artes e Cultura


Voltar a Sol Português