1ª PÁGINA


Canadá prolonga restrições nas fronteiras até 30 de Setembro

O governo federal anunciou na última semana que todas as restrições nas fronteiras vão continuar em vigor pelo menos até ao final de Setembro.

Isto significa que os visitantes estrangeiros vão continuar a ter de apresentar um comprovativo de vacinação (duas doses) para entrarem no país e os canadianos ou residentes permanentes que não estão vacinados vão ter de mostrar um teste de despistagem molecular, feito antes de viajarem, com resultado negativo, e ficar em quarentena durante 14 dias após a chegada ao país.

O governo exige também que todos os passageiros, independentemente da cidadania, forneçam as suas informações sobre o estatuto de vacinação e os documentos de viagem através do aplicativo (app) ArriveCan.

As restrições tinham sido prolongadas pela última vez a 31 de Maio.

O anúncio da Agência de Saúde Pública do Canadá (PHAC, na sigla em inglês) indica também uma pausa até meados de Julho na realização de testes aleatórios em todos os aeroportos do país para quem tem a vacinação completa.

Esta pausa foi implementada a 11 de Junho, numa tentativa de mitigar o congestionamento e os atrasos nos aeroportos provocados pelo aumento no número de passageiros e pela escassez de pessoal.

A intenção é deslocar o ónus da realização destes testes de despistagem à Covid-19 para quem chega ao país por via aérea para "um grupo de estabelecimentos" capazes de os efectuarem, incluindo farmácias.

A 11 de Junho o governo já tinha também anunciado que a partir do dia 20 desse mês deixaria de exigir a apresentação obrigatória de um certificado de vacinação para passageiros domésticos e internacionais.

Há muito que várias organizações e parlamentares da oposição pedem ao governo para eliminar algumas das exigências nas fronteiras, incluindo processos duplicativos que atrasam as viagens, por considerarem estarem a sufocar o já fustigado sector de turismo.

Em resposta, porém, os ministros da Saúde e do Turismo continuam a reiterar que embora a situação epidemiológica no Canadá tenha melhorado, a pandemia é ainda uma realidade que é necessário ter em conta.


Voltar a Sol Português