1ª PÁGINA


Em "Little Portugal":

Do West Fest atrai milhares de pessoas à artéria mais portuguesa de Toronto

Festival de rua regressou com novo nome após um hiato de dois anos

Por Luís Aparício

Sol Português

Considerado o primeiro festival de Verão em Toronto, o Do West Fest (ex-Dundas West Fest) organizado pela associação de comerciantes Little Portugal Toronto BIA voltou à rua após um hiato de dois anos originado pela pandemia.

Ao longo do último fim-de- semana (3, 4 e 5), o evento transformou o troço da Dundas conhecido por Little Portugal num vibrante festival de rua, completo com três palcos com música ao vivo, grande número de esplanadas, carrinhas a vender comes-e-bebes, e numerosos vendedores de produtos artesanais.

O programa para os três dias do festival, que ocupou a Dundas Street West entre as ruas Ossington e Lansdowne, incluiu ainda artistas de rua e exposições de arte, "contagiando" de forma positiva (e financeiramente) um grande número de comerciantes locais e independentes que aderiram à iniciativa.

"Fiquei extremamente feliz em ver que pela primeira vez na zona Oeste da Dundas a área da Lansdowne estava cheia de gente", dizia-nos sábado (5) Anabela Taborda, presidente do Conselho de Administração da Little Portugal Toronto BIA e gerente do balcão local da instituição financeira IC Savings.

O tempo quente e soalheiro ajudou, mostrando-se naturalmente satisfeita por ver a rua cheia de movimento e a transbordar com gente alegre e divertida, mesmo em zonas tradicionalmente menos acorridas, não hesitando em afirmar que "tudo isto, em combinação, foi uma receita fantástica para o sucesso do festival".

O "Hippie Market Block Party", entre as ruas St. Clarens e Lansdowne, foi uma das novidades do festival para este ano, uma óptima oportunidade para quem procurava inspiração para comprar presentes de origem exclusivamente local, desde velas artesanais de Terradomi a peças de arte de colagem vintage de Flanzella.

Mesmo ao lado, a paróquia de Santa Helena, com profundas raízes lusas, estava também representada nesta grande festa de rua com a participação de três grupos diferentes, como fez questão de nos explicar o padre Willyans Prado Rapozo.

"Um dos grupos é a Irmandade do Divino Espírito Santo, que está a vender bifanas e refrescos aqui na igreja para ajudar [a custear] as festas do Espírito Santo que vamos celebrar no próximo domingo", destacou o pároco.

"Também temos os jovens da Banda do Sagrado Coração de Jesus da Paróquia de Santa Helena (...); e um grupo maior de senhoras, da Sociedade de São Vicente de Paulo, as vicentinas, que arrecadam algum dinheiro para comprarem depois alimentos que são doados aos mais pobres no nosso banco alimentar", prosseguiu.

Este banco alimentar, segundo o pároco, atende mais de duas centenas de pessoas por mês – principalmente indivíduos sem rendimentos ou sem-abrigo que vivem na área – um número significativo que aumentou muito durante a pandemia.

O sacerdote considerou animador ver que as pessoas estão a começar a sentir-se mais seguras para saírem de casa e voltarem à vida normal, e considerou que "este festival ajuda muito a unir a comunidade, porque não temos só católicos, como é o caso dos paroquianos da Santa Helena, mas muitas outras pessoas que vivem aqui, na região de Toronto, e passam para visitar" esta zona da cidade.

Para além de numerosos comerciantes portugueses, destaque ainda para o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, que também esteve representado através de um pequeno stand que disponibilizava informações e folhetos sobre os cursos de língua portuguesa que existem na cidade e outras iniciativas.

Com um programa variado e para todos os gostos, o festival incluiu ainda projectos interactivos e muitas actividades e jogos para as crianças, mantendo-se um pólo de atracação durante os três dias em que decorreu.

Segundo os responsáveis, o evento vai continuar a realizar-se sobre a nova designação de Do West Fest até que o município torontino determine outro nome para a rua Dundas, processo que está actualmente a decorrer.


Voltar a Sol Português