CANTINHO DA POESIA


A noite

Por Luís Marcelino
Sol Português

A noite estava escura
No céu, nem uma estrela
Nunca vi escuridão tão pura
Nunca vi escuridão tão bela

Olhei pela minha janela
A noite estava lá fora
No céu, nem uma estrela
Até a Lua se foi embora

O dia chegou ao fim
Pensei cá para mim
O que é que eu faço agora?

Mas vi a noite a sorrir
Pus o meu eu a dormir
E a noite ficou lá fora


Voltar a Poesia


Voltar a Sol Português