SAÚDE & BEM ESTAR


Termas de São Pedro do Sul apostam numa nova geração de termalistas

As Termas de São Pedro do Sul estão apostadas em conquistar uma nova geração de termalistas digitais, famílias e turistas que procuram experiências de bem-estar, no âmbito de uma nova imagem de marca apresentada na passada semana.

"É um novo posicionamento da marca, que se associa também a um destino cada vez mais jovem, mais ecléctico, mais moderno", que inclui não só o termalismo de saúde, mas também o termalismo de bem-estar, disse à agência Lusa o presidente da Termalistur, Víctor Leal.

Segundo o responsável, tudo isto será feito sem esquecer que as Termas de São Pedro do Sul, das mais antigas do país, têm "toda uma tradição e toda uma história", mas percebendo que "está no momento de evolução e adaptação às novas circunstâncias".

A nova imagem tem por base as propostas de valor destas termas, posicionando-se como "um refúgio terapêutico e natural para todos os que procuram desligar da rotina, estar em melhor forma física e mental, aliando uma experiência de relaxamento e bem-estar aos benefícios terapêuticos das águas termais".

Víctor Leal contou que cada vez mais se sente a procura por destinos que promovam o relaxamento e bem-estar.

"Após a pandemia, os fluxos turísticos alteraram-se muito e assistimos a cada vez mais casais jovens, casais com filhos pequenos, a virem para o interior à procura de descanso, natureza e de menos stress. E as termas estão muito associadas a esses valores, a esse posicionamento", afirmou.

Segundo o administrador, as Termas de São Pedro do Sul estão já a "colher um bocadinho o fruto dessa transformação na sociedade".

"As termas estão disponíveis para acolher esses turistas para uma experiência termal que procura novas sensações de relaxamento, de equilíbrio com o corpo e a mente. É nessa vertente que estamos a sentir novas procuras. Além de ser mais público, também é um público mais exigente que procura novas ofertas", contou.

Víctor Leal disse que "o mercado de bem-estar está a recuperar muito mais rapidamente, quer a nível de frequência, quer a nível de facturação", registando já "valores superiores à antes da pandemia".

"Neste momento, os valores já são superiores a 2019 e consideramos que será um ano em que irá fortemente crescer esta área do bem-estar", sublinhou.

Também a marca de dermocosméticos AQVA, constituída por produtos com elevada percentagem de água termal na sua composição, passou por uma mudança de identidade visual, com o objectivo de ser "mais jovem e atractiva, em consonância com a nova imagem das termas".

As Termas de São Pedro do Sul, no distrito de Viseu, são consideradas a principal estância termal de Portugal e uma das maiores da Península Ibérica.

Estão abertas durante todo o ano e dispõem de dois balneários termais que dão resposta às valências de termalismo terapêutico, fisioterapia e bem-estar termal.


Voltar a Saúde


Voltar a Sol Português