1ª PÁGINA


Festival Carassauga:

33.ª edição convida a festejar diversidade de culturas de Mississauga

Por João Vicente
Sol Português

Em 2017, durante 22 horas de actividade, passaram pelas portas dos 31 pavilhões do festival multicultural Carassauga mais de 385.000 visitantes para visitarem os 70 países neles representados.

Este ano, o certame promete ser ainda maior e melhor com representações de sete novos países, designadamente: Colômbia, Equador, Jamaica, Quirguistão, México, Peru e Trindade e Tobago.

O lançamento oficial da 33.ª edição do Carassauga realizou-se esta segunda-feira (7) na Câmara Municipal de Mississauga onde, além da presidente da Câmara, Bonnie Crombie, estiveram representantes dos vários pavilhões, entre eles Olga e Nélia de Oliveira, do Centro Cultural Português de Mississauga (CCPM), que mais uma vez será palco do pavilhão português.

A cerimónia oficial de abertura deste festival multicultural vai ter lugar no dia 25 deste mês no Hershey Centre, com a Parada das Nações, prolongando-se o certame até dia 27, num total de três dias durante os quais o público pode desfrutar da música, gastronomia e tradições das diversas culturas e etnias que nele irão participar.

Em termos gerais, a gastronomia é uma das componentes mais fortes, permitindo aos visitantes deliciarem-se com as iguarias típicas dos países que estarão representados – desde refeições completas a aperitivos em porções apelidadas de "Toonie Taste", dado que cada "prova" custa apenas dois dólares.

Ainda na veia da gastronomia, a novidade este ano vai ser a inclusão de aulas de culinária em cada um dos pavilhões e durante as quais os chefes de cozinha irão demonstrar aos participantes como fazer para reproduzirem em casa alguns dos saborosos pratos que ali podem provar.

Quem tiver crianças com menos de 12 anos de idade pode ainda visitar a Kids Zone, no campo de futebol localizado no nível inferior do Mississauga SportZone, complexo onde irão encontrar muitos jogos, actividades e entretenimento numa atmosfera familiar, além de poderem ficar a conhecer as mascotes do Carassauga: Carra e Missi.

A entrada está incluída na compra do "passaporte" – nome dado aos bilhetes para este certame – mas este espaço só estará aberto durante os dias de sábado (26), das 13h00 às 22h00, e domingo (27), das 13h00 às 19h00.

Os passaportes permitem aceder a todos os pavilhões durante os três dias do festival e custam apenas 10 dólares se forem adquiridos com antecedência, ou 12 dólares à porta.

As crianças até aos 12 anos têm entrada gratuita quando acompanhadas por um adulto com passaporte.

Além de permitir a entrada ilimitada em todos os pavilhões, o passaporte dá ainda direito a usar o sistema de transportes públicos de Mississauga (MiWay) gratuitamente durante o horário do festival, assim como as camionetas expresso da própria Carassauga.

Entretanto, segundo apurámos – e embora a representação portuguesa não queira revelar já todos os trunfos – sabe-se que de Portugal virá o conjunto Baeta & Companhia, assim como o cesteiro Alcídio Andrade e outros artesãos de São Miguel, cujas mostras serão complementadas pelo trabalho do oleiro Eduardo Gouveia, que mais uma vez aqui se desloca vindo de Kingston.

O folclore continuará a marcar forte presença, havendo ainda espectáculos com o trio de concertinas to CCPM e com o artista Paulinho do Minho, que estará de volta para animar os visitantes.

A mensagem de Olga de Oliveira é simples: "venham visitar o pavilhão português", adiantando que têm "orgulho nas nossas tradições, na nossa cultura, na nossa comida e no nosso clube".

O pavilhão português tem tido uma presença constante nestes 33 anos do certame e é frequentemente premiado pela organização em diversas categorias, incluindo "Melhor Pavilhão".

A distribuição dos pavilhões deste ano vai ser a seguinte:

Hershey Centre: África, Brasil, China, Chipre, Colômbia, Croácia, Indonésia, Índia, Iraque, Líbano, Macedónia, Nepal, Paquistão, Quirguistão, Nepal, Peru, Filipinas, Trindade e Tobago, Turquia, Vietname e "Kids Zone";

Mississauga SportZone: Croácia, Irlanda e "Kids Zone";

Canadian Coptic Centre: Egipto;

Burnhamthorpe C.C.: Grécia;

Streetsville Legion: Canadá;

Frank McKenzie C.C.: Paquistão

Mississauga Valley C.C.: Havai e Polónia;

Carmen Corbasson C.C.: Equador, México e Coreia;

CCPM: Portugal;

All Serbian Saints Serbian Orthodox Church: Sérvia;

St. Mary's Ukrainian Church: Ucrânia.


Voltar a Sol Português