PORTUGAL EM FOCO


Professora de Castro Laboreiro com "casa às costas" para "apanhar" rede e dar aulas

A professora Célia Bernardo deixou a casa em Ribeiro de Cima, Castro Laboreiro, por falta de rede móvel para as aulas à distância, mudou-se para outra habitação no centro de Melgaço, mas só conseguiu cobertura na escola.

"Ando com a casa às costas. Em Ribeiro de Cima, Castro Laboreiro, não há rede móvel e a rede fixa é um problema autêntico. A maior parte das vezes, estamos sem telefone e a Internet ligada ao telefone é super lenta. Mudei-me para um apartamento na sede do concelho, em Melgaço, e hoje [segunda-feira] quis dar a aula em casa, com a minha `net' e não consegui. Deixava, constantemente, de ouvir os meus alunos", explicou a docente.

Em 2017, foi apresentado na Porta de Lamas de Mouro um projecto de interesse público do Ministério do Ambiente para reforçar a cobertura da rede electrónica móvel no Parque Nacional da Peneda Gerês (PNPG), no distrito de Viana do Castelo.

"Castro Laboreiro está dentro do parque. Disseram que a vila ia ficar coberta, mas não ficou. Instalaram uma antena, mas há várias zonas em que se apanha muito mal e nos lugares de Ribeiro de Cima e Ribeiro de Baixo não se apanha nada. É impensável", lamentou Célia Bernardo.

Segunda-feira (8), no primeiro dia de ensino à distância, a solução que lhe restou foi dar a aula a partir da sala do agrupamento escolas de Melgaço.

Com 53 anos, Célia é a professora desde 2003, sempre contratada.

"Ando de escola em escola. Já dei aulas na Póvoa de Lanhoso, Vila do Conde, Viana do Castelo, Ponte de Lima, Chaves e tantos outros lugares. Este ano é a primeira vez no meu concelho, pela primeira vez a leccionar o primeiro ciclo e acontece uma coisa destas", desabafou.

Sozinha na sala de aula do agrupamento em Melgaço, faz o que pode para acalmar a ansiedade dos "meninos" que querem voltar à escola.

"Eles querem tanto vir para a escola e eu tenho muitas saudades deles. Quero os meus meninos na sala de aula. No meio disto tudo, ainda tenho a sorte de ter uma turma de 26 alunos em que todos os pais são muito participativos. Hoje [segunda-feira], estiveram todos os alunos na sala de aula virtual. Nesse aspecto tenho sorte. Só não tenho sorte é com a rede", observou.

Melgaço, com 238 quilómetros quadrados distribuídos por 13 freguesias, é o concelho menos populoso do distrito de Viana do Castelo, tendo, de acordo com os Censos 2011, 9.213 habitantes.

O concelho tem 41% do seu território integrado no único parque do país Reserva Mundial da Biosfera. As aldeias de montanha de Castro Laboreiro e Lamas de Mouro, que compõem uma União de Freguesias, e a freguesia de Cevide, onde começa Portugal, integram o PNPG.

O ponto mais elevado de Melgaço situa-se no Giestoso, com 1.335 metros de altitude, na União de Freguesias de Castro Laboreiro e Lamas de Mouro, a cerca de 27 quilómetros da sede do concelho, e a mais de 100 quilómetros da capital do Alto Minho, Viana do Castelo.


Voltar a Portugal em Foco


Voltar a Sol Português