1ª PÁGINA


Mais que um festival de Verão ou de Música...

Semana do Mar volta a galvanizar capital do Faial em Agosto

Presidente da Câmara da Horta esteve em Toronto para promover o maior festival náutico do país

Por João Vicente

Sol Português

O presidente da Câmara da Horta esteve recentemente no Canadá onde promoveu a Semana do Mar, um dos mais populares eventos da cidade capital da ilha do Faial - Açores e o maior festival náutico do país, e que este ano, segundo revelou, vai decorrer de 5 a 12 de Agosto.

José Leonardo Silva, que viajou acompanhado da esposa, Lurdes da Silva, foi recebido na pretérita quinta-feira (5) na Casa dos Açores do Ontário (CAO) a convite do Centro Comunitário Amor da Pátria, que ali tem a sua sede, onde fez uma breve apresentação do programa de eventos à comunicação social e aos sócios destas colectividades.

Depois das boas-vindas proferidas pela presidente do Executivo do Amor da Pátria, Valerie da Silva, a vice-presidente da CAO, Fátima Bento, agradeceu a presença dos convidados e reconheceu publicamente a calorosa recepção dada pela Câmara Municipal da Horta à presidente da Casa dos Açores, Suzanne da Cunha, e ao seu grupo folclórico, Pérolas do Atlântico, aquando da sua digressão pelos Açores.

Também o coordenador do rancho se referiu à visita que efectuaram ao arquipélago, agradecendo ao autarca, assim como ao governo regional e à transportadora aérea Azores Airlines por proporcionarem a visita, salientando que para alguns dos seus elementos foi o primeiro contacto directo que tiveram com a terra dos pais e avós.

O director da Azores Airlines no Canadá, Carlos Botelho, viria também a expressar-se publicamente e aproveitou a ocasião para lamentar a falta de informação referente aos eventos que se realizam nos Açores, expressando ainda o desejo de ver outras municipalidades do arquipélago seguirem o exemplo da Horta e esforçarem-se por divulgar as suas actividades junto das comunidades.

A conferência de imprensa viria ainda a contar com a presença da deputada provincial Cristina Martins, que mais tarde chegou ao local.

Entretanto, e a propósito da Semana do Mar, que este ano terá a sua 43.ª edição, José Leonardo Silva destacou que não é apenas "um festival de Verão", ou de música, mas muito mais, citando a realização de seminários na universidade sobre a temática do mar, a presença da escola do Mar, bem como a realização da ExpoMar, o maior festival náutico do país, e de regatas internacionais.

A mais antiga realização do seu género, o programa deste ano conta com a participação de consagrados artistas como Mariza, David Fonseca e Paulo Gonzo, além da Banda Resistência, como cabeças de cartaz, assim como Fernando Daniel e Calema, artistas mais ao gosto da camada jovem, mas inclui também muitas instituições e gentes locais que estarão igualmente representadas no palco principal, tanto em termos de folclore como de bandas de música ligeira e filarmónicas.

Enquanto a freguesia das Angústias irá acolher a actividade náutica diurna, ao anoitecer as atenções concentram-se na Matriz onde estarão instalados o palco principal e os secundários, e pela noite dentro a festa passa para a tenda localizada no parque da Lagoa, onde a música electrónica de DJ's internacionais manterá os ânimos altos.

O concerto de David Fonseca dará por encerrado o certame, num momento que será ligado às comemorações dos 85 anos da elevação da vila a cidade.

Os quiosques que promovem a gastronomia e os produtos locais, assim como o ímpeto para melhorar as infra-estruturas e promover a cultura, são algumas das mais-valias atribuídas à realização da Semana do Mar, um evento que o autarca considera um importante investimento na economia e no empresariado local com vista a desenvolver o empreendedorismo e estimular a criação de postos de trabalho.

A terminar a sua alocução, o edil lembrou que este ano se assinalam os 60 anos da erupção do vulcão dos Capelinhos, que tanto marcou os Açores como a diáspora deste lado do Atlântico, uma ocorrência que comparou à perda da pesca da baleia como eventos que, em primeira análise, foram catastróficos, mas que se vieram a revelar oportunidades que os açorianos souberam aproveitar.

José Leonardo Silva aproveitou para convidar o público a visitar o Centro de Interpretação do Vulcão dos Capelinhos, um projecto premiado a nível europeu e que considerou "digno de visitação" e do orgulho de todos os faialenses, açorianos e portugueses.

Por fim, e antes de ser exibido um vídeo sobre o que foi a edição 2017 da Semana do Mar e outro de promoção da edição desta ano, o edil destacou o projecto de requalificação da orla marítima da cidade obra que nas suas palavras visa "virar a cidade cada vez mais ao mar e virar a marina para à cidade".

Para além de uma foto de grupo e dos momentos de convívio que se seguiram, destaque ainda para o sorteio de uma passagem de avião para assistir à Semana do Mar, cortesia da Azores Airlines, cujo representante em Toronto indicou que a empresa irá em breve começar também a oferecer pacotes turísticos para os Açores.


Voltar a Sol Português