CANADÁ EM FOCO


Fumo de incêndios americanos causa problemas no Canadá

Após vários dias de devastadores incêndios nos estados americanos de Califórnia, Oregon e Washington que no início desta semana já tinham resultado em 35 mortos e prejuízos incalculáveis, a gigantesca pluma de fumo atravessou a fronteira e chegou à Colúmbia Britânica (CB) onde tem estado a preocupar o público e as autoridades, bem como a prejudicar a visibilidade para a aviação.

Segundo a Environment Canada, departamento responsável pela monitorização do ambiente, a situação que já se vinha a arrastar há alguns dias e que na segunda-feira (14) afectava já cerca de 70 por cento da província iria prolongar-se ainda por mais algum tempo.

As autoridades esperavam, contudo, que com a chegada de uma corrente de ar vinda do Oceano Pacífico na terça-feira (15), a situação pudesse registar uma pequena melhoria.

O fumo cinzento e cáustico tinha-se agravado durante o fim-de-semana e Mike Gismondi, da Environment Canada, indicou que só fortes chuvadas poderiam aliviar o problema.

A situação, que durante alguns dias foi classificada com a pior deste género em todo o mundo, tem afectado seriamente a qualidade do ar, desde a ilha de Vancouver, no Oceano Pacífico, até à fronteira com a província de Alberta, perto de Calgary, uma extensão de quase 800 quilómetros.

Apenas foi poupada pela pluma de fumo cerca de 30 por centro da região norte da província.

Segundo o Centro para o Controlo de Doenças da CB (CCDCB), o fumo pode dificultar a oxigenação do sangue nos pulmões e originar inflamações no corpo inteiro, com sintomas que vão desde os mais ligeiros (olhos irritados, corrimento nasal, dores de garganta, tosse ligeira, catarro, pieira ao respirar e dores de cabeça), ao mais intensos, (dificuldade em respirar, tosse forte, tonturas, dores de peito ou palpitações), devendo as pessoas com sintomas graves procurar imediatamente ajuda médica.

O Dr. Tom Kosatsky, do CCDCB, alertou que embora alguns dos sintomas da inalação de fumo sejam comuns aos da Covid-19, outros, como a febre, arrepios e perda do olfacto ou do paladar, são exclusivamente atribuídos à infecção provocada pelo vírus corona.


Voltar a Canadá em Foco


Voltar a Sol Português