CANTINHO DA POESIA


Meu amigo Pião

Por Luís Marcelino
Sol Português

Roda roda lindo pião
Na mão dessa criança
Como rodaste na minha mão
Ainda te trago na lembrança

Hoje já és saudade
Meu amigo pião
Pena que esta mocidade
Não sente a tua sensação

Roda, roda, pião roda
Dá para mim mais uma volta
Esta mocidade se acomoda
Isto a mim me revolta

Faz-me de novo criança
Vem rodar na minha mão
Para que nasça a esperança
Volta meu amigo pião


Voltar a Poesia


Voltar a Sol Português