1ª PÁGINA


Hospital SickKids de Toronto retoma "cautelosamente" realização de cirurgias

O maior hospital pediátrico do país começou segunda-feira (16) a "aumentar cautelosamente" a realização de procedimentos cirúrgicos, segundo os seus responsáveis, após ter suspendido as operações não urgentes no final de 2022.

Um aumento significativo no número de pacientes com doenças respiratórias, no final do ano passado, levou na altura o Hospital SickKids de Toronto a anunciar não ter outra opção a não ser "reduzir a actividade cirúrgica" para "preservar a capacidade de prestação de cuidados intensivos".

Seis das suas 16 salas de operação foram fechadas para que as equipas médicas pudessem ser realocadas para as unidades mais sobrecarregadas, nomeadamente as de terapia intensiva, medicina pediátrica e urgências.

Segundo o SickKids informou na altura, a mudança permitiu ao hospital "priorizar cirurgias urgentes, de emergência e mais urgentes".

Ultrapassada a crise, porém, é necessário agora voltar à normalidade e retomar o mesmo número de cirurgias.

Segundo fonte hospitalar, mais de 6.000 crianças aguardam intervenções cirúrgicas, devendo os pais ser notificados "nas próximas semanas para agendarem os seus procedimentos".


Voltar a Sol Português