ARTES E CULTURA


Presépio de Penela cancelado devido ao vírus do Covid-19

O município de Penela, no distrito de Coimbra, cancelou a 13.ª edição do evento Penela Presépio devido à situação pandémica que o país vive, disse terça-feira à agência Lusa o Presidente da Câmara.

"O Penela Presépio é um evento de massas, com muitos visitantes, e não havia condições para cumprir as normas da Direcção-Geral da Saúde (DGS), pelo que prevaleceu a saúde pública", justificou Luís Matias.

O autarca salienta que a iniciativa, programada para de 1 de Dezembro a 5 de Janeiro de 2021, realiza-se em espaço fechado (dentro do castelo), "pelo que o cumprimento das normas da DGS era muito complicado".

Por outro lado, refere o presidente da Câmara, não é possível, à data, "antecipar as restrições de circulação e de organização de eventos em Dezembro".

"Nem sabíamos se era possível legalmente organizar o Penela Presépio", sublinha Luís Matias, que espera no próximo ano "ter condições para recuperar o que não foi possível este ano".

O autarca realça que se trata de uma decisão consensual entre os parceiros sociais e económicos do concelho, e que decorre de uma avaliação contínua do potencial risco provocado pela pandemia da Covid-19.

O orçamento do evento será canalizado para o Fundo de Emergência Municipal.

O evento realiza-se desde 2007 dentro das muralhas do castelo de Penela, com um presépio animado com mais de 300 figuras impressas em 3D, que se movem e recriam o início da era cristã e o presépio tradicional português.

Em 2019, e apesar do mau tempo provocado pela depressão Elsa, o Penela Presépio recebeu 40 mil visitantes.


Voltar a Artes e Cultura


Voltar a Sol Português