Semanário - Edição electrónica de 21 de Agosto de 2020


"Fátima" em ante-estreia no Ontario Place

Uma nova longa-metragem sobre os acontecimentos que em 1917 transformaram Fátima num dos mais importantes epicentros do mundo cristão fez na pretérita quarta-feira (12) a sua ante-estreia no Canadá, numa iniciativa da Federação de Empresários e Profissionais Luso-Canadianos (FPCBP, na sigla em inglês). (...continua)


Canadá/Covid-19:

Direcções escolares avaliam planos para regresso às aulas

Autoridades preparam planos de contingência para eventual ressurgimento da doença no Outono

Tal como na semana anterior, o número de casos de Covid-19 a nível mundial voltou a aumentar em 1,8 milhões, ultrapassando agora 22 milhões _ 14,5 milhões dos quais (66,1 por cento) são dados como recuperados _ enquanto que os óbitos, quase 40.000, elevaram o total dos casos com desfecho fatal para mais de 776.000. (...continua)


Ministro das finanças canadiano demite-se

O ministro das Finanças do Canadá e deputado eleito pelo distrito de Toronto-Centro, Bill Morneau, demitiu-se segunda-feira (17) de ambos os cargos, após uma reunião com o Primeiro-ministro Justin Trudeau. (...continua)


Idosa luso-canadiana vítima de homicídio na sua residência em Toronto

Classificada inicialmente pela Polícia de Toronto como "suspeita", a morte de uma septuagenária luso-canadiana foi segunda-feira (17) revelado ter sido um homicídio _ o 42.º deste ano em Toronto _ e que o suspeito do crime já havia sido identificado e detido. (...continua)


EUA/Eleições:

Joe Biden nomeado oficialmente candidato contra Trump

Os Democratas confirmaram na terça-feira a nomeação do ex-vice-presidente Joe Biden como candidato contra Donald Trump nas eleições presidenciais dos Estados Unidos, em 3 de Novembro, durante a convenção nacional do partido.

Sem surpresa, a maioria dos delegados escolheu o antigo vice-Presidente para enfrentar o Presidente republicano, durante o segundo dia da convenção do partido, realizada de forma inteiramente virtual, por causa da pandemia da Covid-19.


Portugal aprova compra de 6,9 milhões de vacinas contra a Covid

O Primeiro-ministro afirmou quinta-feira que Portugal autorizou a compra de 6,9 milhões de vacinas contra a Covid-19, uma medida que resulta de uma coordenação entre países da União Europeia e à qual o Estado alocará 20 milhões de euros.

"A União Europeia (UE) coordenou uma aquisição conjunta para os diferentes países. Hoje, quinta-feira, num Conselho de Ministros electrónico, autorizámos a aquisição do primeiro lote de seis milhões e 900 mil vacinas. A UE seleccionou seis das diversas vacinas que estão em desenvolvimento a nível mundial como as seis onde valia a pena investir", disse António Costa, que falava em Vila Nova de Gaia, no distrito do Porto, numa visita ao centro hospitalar local.


Um projecto concebido e elaborado por

977 College Street
Toronto, Ontario M6H 1A6 Canadá
Tel.: (416) 538-1788 • Fax: (416) 538-7953
E-mail: sol@solnet.com


Agradecemos todos os comentários e sugestões que visem uma melhor qualidade e funcionamento destas páginas para: sol@solnet.com


Copyright© 1996-2020 Sol Português Publishing Inc.
Reservados todos os direitos