1ª PÁGINA


3.º convívio do Grupo de Amigos dos Fenais da Luz do Canadá

Padre Ricardo Tavares, vindo dos Açores, e o vereador Martin Medeiros, de Brampton, marcaram presença no jantar de angariação de fundos para igreja em S. Miguel

Por João Guilherme Silva

O salão paroquial da Igreja Portuguesa de Nossa Senhora de Fátima, na cidade de Brampton, foi mais uma vez o lugar escolhido para a realização do 3.º Convívio Anual do Grupo de Amigos dos Fenais da Luz do Canadá.

Este jantar convívio, que se realizou na noite de sábado (9), foi ao encontro de imigrantes desta freguesia micaelense do conselho de Ponta Delgada, na ilha de São Miguel - Açores, e teve como objectivo a angariação de fundos para dar continuação às obras de restauro que estão a decorrer na Igreja dos Fenais da Luz.

Foram convidados este ano o padre da paróquia, Ricardo Tavares, que veio da ilha de São Miguel, e o vereador luso-canadiano Martin Medeiros, da cidade de Brampton.

Marcaram presença 450 pessoas para colaborar nesta festa, na sua maioria imigrantes naturais de Fenais da Luz e seus familiares, que aderiram ao jantar para colaborar e ajudar à restauração da igreja onde muitos deles foram baptizados.

O serão teve início por volta das 19h00, com o apresentador Gilberto Medeiros a dar as boas-vindas e logo depois a chamar os padres Andrezj Chilmon e Ricardo Tavares.

Ao som do Hino de Nossa Senhora da Luz, padroeira dos Fenais da Luz, tocado por um grupo de músicos, deram entrada no salão o grupo de amigos e voluntários com os alimentos para receberem a bênção e a oração antes do serviço de jantar.

Em palco, a pequena banda filarmónica deu então continuação ao seu concerto e tocou algumas marchas para o público.

No decorrer da noite foram leiloados artigos oferecidos por várias pessoas amigas, comerciantes e empresários da comunidade portuguesa, cuja receita reverteu a favor da igreja e suas despesas.

Depois do jantar e ainda antes de se dar início ao baile, foi entregue por uma família oriunda dos Fenais da Luz, vinda de Edmonton, um cheque de 5.000 dólares, pelo qual Gilberto Medeiros agradeceu, assim como a todos aqueles que contribuíram para este jantar – desde as senhoras que prepararam a refeição aos voluntários que serviram às mesas.

Seguidamente, foram chamados ao palco todos os elementos do Grupo de Amigos, assim como o vereador Martin Medeiros e o padre Ricardo Tavares para dirigirem algumas palavras aos conterrâneos e amigos de Fenais da Luz.

Na sua alocução, Martin Medeiros agradeceu o convite e deu os parabéns aos luso-canadianos da cidade que se juntaram mais uma vez para ajudar na beneficência e restaurar a igreja dos Fenais da Luz.

Depois foi a vez da intervenção do Pe. Ricardo Tavares, natural de Vila Franca do Campo e que com 20 anos ao serviço da igreja católica está há três anos nos Fenais da Luz como pároco.

Como referiu, desde que chegou à paróquia já foram feitas várias obras na igreja, incluindo limpeza e pinturas no exterior, telhados novos, bem como um novo sino para a torre da igreja e a renovação total da sacristia, hoje considerada a melhor de S. Miguel, assim como o sistema de som.

Todas as obras foram feitas com a ajuda monetária dos imigrantes residentes nos EUA e Canadá, destacou.

O sacerdote continuou com mais novidades, adiantando que este ano foi convidado para a festa da Sra. da Luz o artista Quim Barreiros, que estará em S. Miguel para o concerto em Setembro, e que "estão todos convidados a marcar a passagem para S. Miguel nos Açores para assistirem à maior festa da freguesia", brincou com ironia.

Quanto aos próximos projectos, realçou que está prevista a renovação do acesso à torre onde estão alojados os sinos da igreja, obra que está a ser preparada por um arquitecto e que para além de evitar que a chuva entre dentro da igreja, vai ainda permitir abrir a torre aos turistas, de onde se avista toda a zona norte da ilha.

Vai ser cobrada entrada para ter acesso à torre, valor que será menor para os cidadãos imigrantes dos Fenais da Luz, adiantou.

Entretanto, espera também renovar a livraria da igreja uma vez que têm muitos livros que relatam vários séculos da história da freguesia e de grande valor que estavam mal condicionados, assim como aumentar e renovar a cozinha para melhor servir os paroquianos nas suas festas, que requerem mais espaço para as cozinheiras.

A terminar a sua alocução, indicou que o presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, Manuel Bolieiro, vai oferecer à paróquia um serviço completo de utensílios em inox, o que, salientou, vai fazer uma grande diferença na cozinha.

"Tudo isto aqui foi anunciado em primeira mão para vocês", realçou o prelado, destacando que os projectos "são também fruto do vosso contributo a favor dos melhoramentos da nossa Igreja".

"Até me sinto mais funense entre vocês aqui, no Canadá", declarou ainda o padre Ricardo Tavares, que concluiu com um agradecimento: "a todos os benfeitores, o meu muito obrigado; que Deus vos proteja nas vossas vidas".

A noite terminou com um serão dançante, abrilhantado pela artista Lídia de Sousa que veio de Toronto trazendo uma selecção de canções do seu repertório.

A dado momento a artista foi acompanhada em palco pelo padre Ricardo Tavares, que com ela cantou algumas melodias da música tradicional portuguesa.

O grupo de Amigos dos Fenais da Luz no Canadá é constituído por seis elementos: Gilberto Medeiros, Paulo Félix, Miguel Lopes, Messias Cabral, Dalila Simas e Nélia Rego.

Nas primeiras duas festas, o grupo angariou a soma total de 67.000 mil dólares a favor dos custos das obras já realizadas na Igreja dos Fenais da Luz nos Açores.


Voltar a Sol Português