1ª PÁGINA


Presidente Marcelo elogia "sentido de unidade nacional" em torno do incêndio

O Presidente da República elogiou quarta-feira, em Castanheira de Pêra, o "sentido de unidade nacional" que existe em torno do incêndio que lavra na região desde sábado.

"Há aqui um sentido de unidade nacional e de homenagem nacional que raras vezes se tem visto na história do país e que ultrapassa as divisões, as dissenções, divergências. Isso é a nossa força como pátria. Sentimos que nos momentos cruciais nos mantivemos com uma pátria forte", disse Marcelo Rebelo de Sousa à chegada ao funeral do bombeiro Gonçalo Conceição, referindo-se à presença dos líderes dos partidos com assento parlamentar, do presidente da Assembleia da República, de vários governantes e de deputados eleitos pela região de todos os partidos.

"Estamos a reconstruir, a prestar homenagem àqueles que foram vítimas, por um lado, e por outro lado, também, como é o caso deste bombeiro, daqueles que lutaram corajosamente", disse aos jornalistas o Chefe de Estado português, que recusou comentar as suspeitas de fogo posto que foram levantadas por Jaime Soares, presidente da Liga dos Bombeiros.

"Depois as instituições competentes investigarão", disse Marcelo Rebelo de Sousa, que preferiu elogiar a vítima mortal.

"Era um exemplo de determinação, solidariedade e de capacidade de luta", disse, instantes depois de abraçar e prestar as condolências ao comandante da corporação de Castanheira de Pêra.


Voltar a Sol Português