1ª PÁGINA


Luso-canadiana quer ser a "voz forte" da comunidade portuguesa no Ontário

Uma luso-canadiana candidata nas próximas eleições provinciais quer ser a "voz forte da comunidade portuguesa" no Parlamento do Ontário, disse a própria à agência Lusa.

Elizabeth Mendes, de 35 anos, filha de emigrantes de Torre de Moncorvo (Bragança), licenciada em ciências políticas pela Universidade de Toronto, antiga funcionária do gabinete do ex-Ministro das Finanças do Ontário Charles Sousa, foi nomeada no dia 16 de Fevereiro, pelo partido Liberal, como candidata pelo distrito eleitoral de Mississauga-Lakeshore.

"Eu quero ser a voz da comunidade portuguesa no Queens Park (Parlamento Provincial). Trabalhei para Charles Sousa durante 15 anos e vi que ele era uma voz muito forte. Gostava também de o fazer. Há muitas comunidades que são bem representadas no Parlamento e nós precisamos de lá ter uma voz forte", afirmou.

O distrito eleitoral de Mississauga_Lakeshore, com uma forte representatividade da comunidade portuguesa, pertenceu aos Liberais entre 2007 e 2018, mas nas últimas eleições, em Junho de 2018, foi conquistada por Rudy Cuzzetto do partido Conservador, com 22.520, perante 18.636 de Charles Sousa.

Elizabeth Mendes destacou ainda a necessidade de haver um maior envolvimento e política e na sociedade em geral dos jovens luso-canadianos e luso-descendentes.

"É importante que os jovens portugueses estejam mais envolvidos na sociedade e na comunidade deles em posições de liderança", realçou.

Quanto a prioridades para o distrito eleitoral, a luso-canadiana destacou a "recuperação económica e medidas sociais de apoio à terceira idade".

"Os problemas neste momento estão relacionados com a pandemia. Muitos estabelecimentos comerciais fecharam as portas, as crianças a permanecerem em casa. Muitas pessoas foram afectadas. Agora o problema debate-se em como será a recuperação económica, como vamos cuidar da terceira idade. Que tipo de investimentos vamos fazer", sublinhou.

O Partido Liberal, com novo líder eleito em 2020, Steven Del Duca, casado com uma portuguesa, vai tentar nas eleições provinciais de 2022, acabar com a maioria absoluta do Governo Conservador de Doug Ford.

Dos 124 lugares no Queens Park, os conservadores (direita) têm 71 lugares, o NDP (esquerda) 40, os Liberais (centro-esquerda) têm oito, o partido Os Verdes (esquerda) um, o Novo Partido Azul do Ontário com um também, e três deputados são independentes.

Para ter o estatuto oficial de partido no Ontário, os liberais terão de eleger pelo menos 12 deputados.

Actualmente, há duas deputadas de origem portuguesa, a nova-democrata Teresa Armstrong, de London-Fanshawe, e a ex-conservadora Belinda Karahalios, agora do novo partido azul do Ontário, eleita por Cambridge.

Actualmente existe apenas uma deputada provincial luso-descendente no parlamento, a nova-democrata Teresa Armstrong, eleita por London-Fanshowe.


Voltar a Sol Português