SUPLEMENTO DESPORTIVO


Argentino Lionel Messi pretende rescindir contrato e deixar FC Barcelona

O futebolista argentino Lionel Messi comunicou ao FC Barcelona a intenção de rescindir unilateralmente o contrato que o liga aos catalães até Junho de 2021, revelou terça-feira fonte do clube às agências EFE e AFP.

Segundo as agências espanhola e francesa, os advogados do internacional argentino enviaram um fax ao FC Barcelona, no qual informam que o jogador pretende deixar a Catalunha já neste Verão, ao abrigo de uma cláusula que consta do seu contrato e que expirou em 10 de Junho.

A imprensa espanhola revela que o contrato de Messi inclui uma cláusula que lhe permite rescindir unilateralmente o contrato no final de cada temporada, embora com um prazo definido para o fazer.

Neste caso, o FC Barcelona alega que o prazo expirou em 10 de Junho, pelo que considera que o contrato do avançado, de 33 anos e que tem uma cláusula de rescisão de 700 milhões de euros, é válido até 30 de Junho de 2021.

Ainda assim, de acordo com o jornal espanhol Marca, Messi e os seus advogados acreditam que o contrato poderá ser rescindido, com base nas alterações no calendário da época 2019/20, que foi prolongada devido à pandemia de Covid-19.

Na semana passada, a comunicação social espanhola, nomeadamente da Catalunha, revelou que Lionel Messi se tinha reunido com Ronald Koeman, tendo confessado ao novo treinador do `Barça' que se sentia "mais fora do que dentro do clube".

Os ingleses do Manchester City e os italianos do Inter de Milão têm sido apontados como possíveis destinos do `astro' argentino, que chegou ao FC Barcelona em 2000, com apenas 13 anos.

Messi, seis vezes eleito o melhor futebolista do mundo para a FIFA, soma mais de 731 jogos e 634 golos pela equipa principal dos `blaugrana', ao serviço dos quais conquistou 10 ligas espanholas, seis taças do Rei de Espanha, oito supertaças espanholas, quatro ligas dos campeões, três supertaças europeias e três mundiais de clubes.


Voltar a Golo


Voltar a Sol Português