1ª PÁGINA


Concurso de Cantores 2022/2023:

Primeira prova de qualificação marcada pela qualidade das actuações

Por Rómulo Ávila

Sol Português

Na passada quarta-feira (19) foi dado o arranque para a edição 2022/2023 do Concurso de Cantores com John Santos (SCJS, na sigla em inglês) com a primeira prova de qualificação nas categorias de adultos e juvenis.

Destaque nesta primeira ronda para a presença de duas concorrentes luso-canadianas: Mónica Garcia e Natasha Costa, ambas a competir no escalão de adultos e a par dos colegas Ivy Velaidum, Alex Creighton, Nevein Orellana, Gabriela Velasquez, Muskaan Arora, Kirti Chugh, Morgan Forrest, Angel Gwanda e Jonathon Bruneau.

Em contraste com estas 11 participações, o grupo juvenil foi composto por apenas quatro participantes, nomeadamente Poshika Jayaram, Amy Arora, Alana Hough e Victoria Dimitrova, não contando por isso com nenhuma concorrente de origem portuguesa.

Realizada na sequência de duas audições iniciais, ambas no mês de Setembro, esta e mais quatro etapas de qualificação – que vão acontecer durante os meses de Novembro, Dezembro, Janeiro e Fevereiro – vão definir a lista dos semifinalistas da que é já a 17.ª edição do concurso e cuja grande final está marcada para Abril de 2023.

Durante a apresentação desta primeira ronda de qualificação, o mentor da competição, John Santos, enalteceu a excelência e a qualidade dos participantes cabendo a Lisa Santos explicar o processo de votação e dar as boas-vindas a todos.

Os anfitriões já habituaram o público às suas intervenções dinâmicas e alegres, e Lisa Santos incentivou mesmo os participantes que não se apuraram nesta primeira prova a continuarem a participar nas próximas rondas de qualificação pois, como destacou, deve-se correr sempre atrás do sonho.

O júri nessa noite seria composto por Patrick Albernaz, Anthony Wright, Nadia Dolce, Parm Sarai, Alex Andronache e Miguel Domingos, vindo este último a encantar os concorrentes e o público com uma actuação enquanto se aguardavam os resultados da contagem da votação do público e do júri que determinaria os quatro semifinalistas apurados: dois no escalão juvenil e dois no de adultos.

Como habitualmente, esses resultados resultaram da combinação dos votos do júri e do público, incluindo os que foram efectuados online através do portal TheSingingContest.com ou via link da página do Facebook da competição.

Nesta primeira qualificação os semifinalistas juvenis apurados foram Victoria Dimitrova, que interpretou o tema "I Surrender", de Celine Dion; e Amy Arora, que cantou "Traitor", de Olivia Rodrigo.

Na categoria de adultos, por sua vez, passaram às semifinais Gabriela Velasquez, que subiu ao palco com o tema dos Queen, "The Show Must Go On"; e Nevein Orellana, que interpretou "Leather & Lace", de Stevie Nicks & Don Henley.

O evento, transmitido online nas redes sociais, decorreu na Casa do Alentejo de Toronto onde se realizará também a segunda ronda de qualificação, marcada para 16 de Novembro.

John e Lisa Santos deram o arranque em 2006 para este concurso de cantores, que tem sido muito acarinhado na comunidade luso-canadiana e para além, e atraído cada vez mais participantes de todas as idades e etnias, evidenciando o gosto pelo desenvolvimento vocal e pela música em geral dos seus muitos participantes.

A qualidade da organização do concurso e a excelência dos participantes fazem com que, edição após edição, o SCJS eleve a fasquia e continue a atrair concorrentes e cada vez mais apreciadores.


Voltar a Sol Português