1ª PÁGINA


Semana Cultural Beirã:

Beira Litoral em destaque na edição deste ano

Certame trouxe ao Canadá três autarcas da região

Por João Vicente
Sol Português

A Semana Cultural Beirã 2018, que desde sábado (22) está a decorrer em Toronto, representa a 22.ª realização deste certame cultural e gastronómico organizado pela Casa das Beiras de Toronto (CBT) e tem por objectivo exaltar o melhor que a Beira Alta, Beira Baixa e Baixa Litoral têm para oferecer.

Na mostra deste ano, que se prolonga até amanhã, sábado (29) estão em evidência aspectos específicos da vivência beirã, desde a etnografia à cultura e gastronomia regional, com especial destaque para três autarquias convidadas: Albergaria-a-Velha, Aveiro e Vagos.

Graças a uma parceria estabelecida entre a CBT e a Fundação Cultural Amigos da Angeja (FCAA), o número de visitantes esperado para a festa de abertura foi superior ao habitual, situação que a organização já previa e precaveu convocando o lançamento não para a sede da CBT, como é habitual, mas sim para o salão Gerry Gallagher, da LIUNA Local 183, onde cerca de quatro centenas e meia de convivas viriam a assistir às cerimónias.

Para o presidente da CBT, Bernardino Nascimento, este género de parcerias fazem todo o sentido e gostaria de ver a aliança com a FCAA continuar em anos vindouros tendo por palco o salão da "183", onde têm espaço para multidões ainda maiores.

"A Casa das Beiras existe com o sentido de acarinharmos tudo aquilo que tem a ver com a nossa região, da Beira Baixa, Beira Alta e Beira Litoral, e todas as organizações que existam na cidade, nos arredores ou na província que pertençam às Beiras podem juntar-se" à CBT, afirmou o responsável pelo Executivo da colectividade beirã, adiantando ainda a sua confiança de que a FCAA irá continuar a colaborar não só na inauguração da Semana Cultural mas também de outros eventos.

Em destaque no certame deste ano está a Beira Litoral, região da qual foram convidados três autarcas – e todos acederam, como destacou Bernardino Nascimento salientando que nem sempre isso acontece.

Assim, deslocaram-se ao Canadá e aliaram-se ao convívio e a esta promoção regional sob a égide da CBT os presidente das Câmaras de Aveiro e de Vagos, respectivamente José Ribau Esteves e Silvério Rodrigues Regalado, assim como o vice-presidente da Câmara de Albergaria-a-Velha, Delfim dos Santos Ferreira – este último numa colaboração com a FCAA.

Imobiliária, indústria e turismo foram os sectores económicos que os três autarcas apontaram como forças motrizes dos conselhos que representam e a sua visita visou promovê-lo com vista a solicitar a contribuição e o investimento dos portugueses aqui radicados.

Apesar disso, José Ribau Esteves, que marcou a sua terceira visita a Toronto, fez questão de destacar que apesar desta acção ter o intuito de promover Portugal junto dos portugueses da diáspora, por vezes são os que estão mais longe da pátria que "conseguem dar lições" e exemplos de portugalidade "bem mais qualificados do que os que vamos dando no nosso pedaço de terra à beira mar plantado".

Entretanto Delfim Ferreira, que fez questão de salientar que Albergaria-a-Velha tem actualmente uma taxa de desemprego nula, destacou algumas das iniciativas em curso nesta que é uma das localidades mais antigas de Portugal e que desde Novembro está envolta nas comemorações dos seus 900 anos.

O descerramento de uma estátua em bronze da Rainha D.ª Teresa assim como a inauguração de uma avenida com o seu nome são algumas das actividades culturais, a par de publicações, concertos e festejos destinados a assinalar a efeméride.

Integrada no programa deste ano da Casa das Beiras, deslocou-se também até nós pela segunda vez a Tuna da Associação Cultural e Desportiva de Nesprido, Juventuna, que na bagagem traz algumas músicas novas além das que constam do CD que inicialmente aqui apresentaram.

Fernando Almeida, director de logística da Tuna, diz-nos que a primeira visita "foi uma experiência espectacular que nos fez regressar", acrescentando ainda que "a melhor memória que levámos de Toronto foi a hospitalidade com que nos receberam aqui toda a semana".

A comitiva visitante incluiu também o artista Nel Monteiro que em declarações à nossa reportagem e a propósito desta deslocação ao Canadá afirmou trazer uma selecção de temas favoritos.

"Às nossas comunidades levo sempre o repertório que as pessoas decoraram muito bem e cantam também comigo", afirmou o popular artista cuja carreira abrange já mais de três décadas.

A cerimónias de abertura do certame, que sábado decorreram no salão Gerry Gallagher, tiveram por mestre-de-cerimónias a radialista Fátima Martins e incluíram os hinos do Canadá e de Portugal, bem como um minuto de silêncio em memória do ex-director da CBT, Elízio Matos, falecido há algumas semanas, e do Sr. Caetano, pai do guitarrista do rancho desta colectividade.

Entretanto, e para darem as boas-vindas ao público e convidados subiram ao palco o representante da FCAA, Fernando Nogueira, bem como o presidente da CBT, Bernardino Nascimento, este último a destacar os convidados e artistas vindos de Portugal, assim como a presença de um grupo do PSD de Toronto, pedindo ainda que o ajudassem a reconhecer o trabalho dos voluntários da colectividade com um caloroso aplauso.

O jantar foi confeccionado pelo chefe António Mendes, do restaurante O Amigo, da Tocha, Cantanhede, que aqui se deslocou pelo terceiro ano consecutivo e que tem a seu cargo a ementa para toda esta Semana Cultural.

Na sequência da apreciada refeição escutaram-se algumas palavras dos políticos locais bem como dos autarcas vindos de Portugal.

A deputada federal Julie Dzerowicz recordou a importância do contributo dado por organizações como a CBT, que permitiu conseguir a proclamação do Dia de Portugal a nível nacional no Canadá, recordando ainda a visita do Primeiro-ministro português em Maio deste ano e a oportunidade que se proporciona agora para o intercâmbio anual de 2000 jovens entre os dois países com a assinatura de um acordo de livre-trânsito para a juventude.

A política, que representa o distrito com maior percentagem de luso-canadianos no Canadá, Davenport, finalizou a sua intervenção formulando parabéns à CBT por esta iniciativa, em seu nome próprio e do Primeiro-ministro canadiano, Justin Trudeau.

A vereadora Ana Bailão, por sua vez, além de elogiar a iniciativa da CBT e os esforços de promoção da cultura e de inclusão dos jovens agradeceu à Casa das Beiras pela oportunidade de dar a conhecer aos autarcas convidados a pujança e vitalidade desta comunidade, ajudando assim a proclamar o valor das comunidades da diáspora, muitas vezes desconhecido ou subestimado em Portugal.

A actual vice-presidente da Câmara torontina terminou a sua alocução incentivando os portugueses, estejam onde estiverem, a votarem nas eleições municipais que se avizinham.

Caberia à Juventuna Nesprido inaugurar o serão de entretenimento, proporcionando uma excelente interpretação do tema do filme "O bom, o mau e o vilão", composto por Enio Morricone, o que desde logo abriu o apetite à assistência para mais.

O espectáculo incluiu temas extraídos do seu CD, bem como novas músicas representativas da região de Viseu e adaptações de temas conhecidos de Zeca Afonso, do conjunto típico António Mafra e de outras tunas, com um toque personalizado.

O cantor popular Nel Monteiro agraciou de seguida o palco, com interpretações ao vivo de "Azar na praia", "Retrato sagrado" e outros dos seus êxitos, alguns dos quais estão agora incluídos no CD "Canções da minha vida", uma reedição de 14 sucessos lançados há muitos anos em cassete.

Por fim, a Banda Karma encerrou o espectáculo com um animado baile que pôs em evidência um repertório de elevado calibre e do agrado do público.

Entretanto, a Semana Cultural tem vindo a prosseguir com a Juventuna a animar os espectáculos de domingo (23), dia dedicado ao Festival de Folclore, e de terça-feira (25), noite que foi dedicada aos patrocinadores, estando a sua última actuação marcada para o encerramento deste certame, marcado para amanhã à noite, sábado (29), altura em que actuará também o agrupamento Searas de Portugal.

Destaque para a celebração do primeiro aniversário da Confraria de Saberes e Sabores "Grão Vasco", da Casa das Beiras de Toronto, que decorreu na segunda-feira (24) e que registou a última actuação do cantor Nel Monteiro nesta Semana Cultural.

Entretanto, a Festa e Concurso da Sopa, uma novidade introduzida este ano nos festejos, animou a noite de quarta-feira (26), tendo por artista convidado Hélder Pereira, enquanto que ontem, quinta-feira (27), decorreu a noite da juventude, com actuações de So Dance Studios, Ashley Maia e Flávio Santos.

Na recta final deste evento, realiza-se hoje, sexta-feira (28) um espectáculo especial com o conceituado fadista, guitarrista e compositor Jorge Fernando, a comemorar 40 anos de carreira.

Esta grande noite de fados, na qual também participa o filho, Jorge Nunes, contará ainda com actuações de João Brito e Suzi Silva, vinda de Montreal, sendo os fadistas acompanhados musicalmente por Manuel Moscatel, Tony Melo, Januário Araújo e, vindo de Portugal, o guitarrista António Dias.

A gastronomia, que tem vindo a ter papel de destaque ao longo de toda a semana, vai brilhar mais uma vez amanhã à noite, na festa de encerramento do certame, com uma verdadeira cornucópia de pratos e acepipes regionais confeccionados pelo chefe António Mendes.


Voltar a Sol Português