CANADÁ EM FOCO


StatCan diz que taxa de inflação atingiu 6,7% em Março

A taxa de inflação anual atingiu 6,7% em Março, o aumento mais rápido no índice de preços ao consumidor desde Janeiro de 1991, informou o Instituto Nacional de Estatística do Canadá, StatCan.

Em Fevereiro, a taxa de inflação anualizada cifrava-se em 5,7 por cento.

Grande parte do aumento em Março foi justificado pelo preço mais alto dos combustíveis, já que a gasolina aumentou 39,8% em comparação com o mesmo mês no ano anterior.

Segundo a StatCan, o aumento do índice de preços ao consumidor teria sido de 5,5%, numa comparação anual, se se tivesse excluído dos cálculos o custo da gasolina.

A agência observa ainda que a pressão nos preços permaneceu generalizadas durante o mês de Março devido ao sobreaquecido mercado imobiliário nacional, às restrições na cadeia de abastecimento e à guerra na Ucrânia que afectou os preços do petróleo e dos alimentos.

Ainda de acordo com a agência, os custos de substituição de proprietário, que incluem preços de imóveis novos, aumentaram 12,9% em Março em relação ao ano anterior.

Os preços nas mercearias subiram 8,7%, a taxa anual mais rápida desde Março de 2009, auxiliado pelo maior aumento anual nos preços dos laticínios e ovos desde Fevereiro de 1983.

A invasão da Ucrânia pela Rússia – os dois países são os principais exportadores de trigo - também foi responsabilizada por subidas nos preços de massas e cereais, estes últimos a registar um ritmo de subida anual mais rápido desde Junho de 1990.

A StatCan refere que a nível provincial o crescimento foi mais pronunciado na Ilha do Príncipe Eduardo, onde os preços subiram 8,9% numa comparação anual.

Como os preços subiram mais rápido numa base anual em Março - os salários médios por hora subiram 3,4%, mas ainda muito abaixo da inflação – isso acabou por "engolir" o poder de compra dos consumidores.

O aumento da taxa de inflação assustou economistas e banqueiros centrais, no meio de sinais de que os canadianos já esperam que a inflação permaneça em níveis elevados por mais tempo.

Na semana passada, o Banco do Canadá aumentou a sua taxa de juros de referência em meio ponto percentual, passando para 1%, com avisos de que poderá haver ainda mais aumentos de juros este ano.

A média das três principais medidas de inflação, que são consideradas os melhores indicadores das pressões de preços subjacentes e acompanhadas de perto pelo Banco do Canadá, foi de 3,77% em Março, o valor mais alto registado desde Março de 1991 e acima dos 3,53 por cento em Fevereiro.


Voltar a Canadá em Foco


Voltar a Sol Português