PORTUGAL EM FOCO


Marcelo revê-se na posição de Macron e defende aprofundamento da segurança na Europa

O Presidente da República concordou segunda-feira com a posição anunciada pelo homólogo francês, Emmanuel Macron, que vai apresentar nos próximos meses um projecto de reforço da segurança na Europa, para não se apoiar apenas nos Estados Unidos da América.

"Há uma estrutura europeia que deve ser desenvolvida, aprofundada, sofisticada para responder aos problemas de defesa e segurança", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa, em declarações aos jornalistas em Penela, no distrito de Coimbra.

O Chefe de Estado português comentava o anúncio proferido neste dia por Emmanuel Macron, que assumiu a intenção de apresentar nos próximos meses um projecto de reforço da segurança na Europa, tendo considerado que os países europeus não podem mais confiar "a sua segurança apenas aos Estados Unidos".

Para Marcelo Rebelo de Sousa, "o que o presidente francês diz tem razão de ser e foi isso que levou precisamente a uma estrutura que envolve uma cooperação reforçada entre países europeus no domínio da defesa e da segurança".

Em resposta aos jornalistas, o Presidente da República referiu que Portugal "tem estado na primeira linha da estrutura da defesa e segurança europeia".

Marcelo Rebelo de Sousa falava aos jornalistas numa praia fluvial de Penela, no âmbito de uma visita que está a fazer a vários concelhos afectados pelo grande incêndio de Pedrógão Grande, em Junho de 2017.


Voltar a Portugal em Foco


Voltar a Sol Português